VENDAS DE DISCOS EM PORTUGAL: GALARDÕES, DISCOS MAIS VENDIDOS, ETC...



terça-feira, 18 de maio de 2010

Vendas de discos 1992

Discos mais vendidos - 1992

1 - Palavras Ao Vento - Resistência
2 - Rock In Rio Douro - GNR
3 - Nevermind - Nirvana
4 - Use Your Illusion II - Guns N' Roses
5 - Greatest Hits II - Queen
6 - Live At Wembley 86 - Queen
7 - Still Loving You - Scorpions
8 - ABBA Gold: Greatest Hits - ABBA
9 - Stars - Simply Red
10 - Earthrise - Vários (Polygram)

Fonte: AFP

Álbuns em destaque:

Greatest Hits II - Queen (6#1)
Waking Up The Neighbours - Bryan Adams (2#1)
Ela Só Quer, Só Pensa Em Namorar - Onda Choc - #3
Greatest Hits I - Queen - #3
Palavras Ao Vento - Resistência (15#1)
Se Você Quer... - Roberto Carlos - #3
Human Touch - Bruce Springsteen - #2
Stars - Simply Red - #2
Seven - James - #3
Still Loving You - Scorpions (2#1)
Rock In Rio Douro - GNR (10#1)
Live At Wembley 86 - Queen (3#1)
Use Your Illusion I - Guns N' Roses - #3
Use Your Illusion II - Guns N' Roses (1#1)
The One - Elton John  - #2
Nevermind - Nirvana (1#1)
Earthrise - Vários (Polygram) (4#1)
Us - Peter Gabriel - #2
ABBA Gold - ABBA (8#1)
Unplugged - Eric Clapton - #2
Greatest Hits - Police - #2
The Best Of - Joe Cocker - #2
Live - AC/DC - #2
++
Singles em destaque:

Don't Cry - Gun'N'Roses (8#1)
Taras e Manias - Marco Paulo (2#1)
Radio Song - REM - #3
Black Or White - Michael Jackson - #3
Live And Let Die - Gun N Roses - #2
Mysterious Ways - U2 (1#1)
Colour Of Love - Snap - #3
Don't Let The Sun... - George Michael (18#1)
Let's Talk About Sex - Salt N Pepa (1#1)
Human Touch - Bruce Springsteen - #3
I Can't Dance - Genesis - #3
One - U2 - #3
Still Loving You - Scorpions - #3
High - Cure - #2
Nasce Selvagem - Resistência - #2
Maubere - Rui Veloso (18#1)
Good Stuff - B 52's - #2
Lenda do Mar - Ritual Tejo - #2
Knocking On Heavens Door - Gun N roses (1#1)
The One - Elton John  - #2
Smells Like Teen Spirit - Nirvana - #2
November Rain - Guns N Roses - #2
Even Better Than The Real Thing - U2 - #2
My Name Is Prince - Prince - #2
Erotica - Madonna - #2
Chuva Dissolvente - Xutos & Pontapés (2#1)
Sangue Oculto - GNR - #3
Easy Come And Go - Joker (1#1)
++


92-79090-[Nos primeiros seis meses deste ano, a venda dos singles registou uma quebra de 25 por cento, a dos álbuns em vinil 31 por cento, a das cassetes 14 por cento e a dos vídeos musicais 12 por cento.

92-299530-São os Lx-90, os Sitiados, os UHF e todos os novos contratados pela empresa dirigida por Tózé Brito, mas sobretudo os Resistência -- que mantêm o primeiro lugar do top da AFP desde o concerto na Aula Magna, em Fevereiro passado -- que provam que quem vende mais música em Portugal são os portugueses; que são os seus concertos que fazem vender discos.

92-617924-Se ao nível da facturação total, em relação ao último trimestre de 1991, a Polygram mantém um quarto de mercado, a EMI-Valentim de Carvalho (EMI-VC), por seu lado, caíu para 19,94 por cento, e a Edisom, para cerca de cinco por cento, enquanto a BMG subiu para 17,8. Assim, a EMI-VC, embora descendo em relação ao último trimestre, conserva a liderança, com 43 por cento das vendas de música portuguesa. Mas a Polygram, que há pouco mais de um ano discutia quase taco a taco essa primazia, caíu agora para os 16,23 por cento -- descida em que é acompanhada pela Edisom, que não vai além dos 2,34 por cento (no final de 1991 já descera para menos de oito por cento).

92-691730-O grupo pop portuense GNR recebeu, na passada quinta-feira, um disco de platina referente a vendas da ordem dos quarenta mil exemplares do seu último LP "Rock In Rio Douro".

92-843812-A campeã da música portuguesa é a EMI-Valentim de Carvalho, posicionada em segundo lugar nas vendas globais, com menos dois pontos percentuais que a Polygram. No ranking de vendas das principais editoras discográficas, o primeiro lugar é da Polygram, com um pouco mais de 25 por cento do total facturado no primeiro semestre (750 mil contos), liderando de muito longe o segmento de música clássica.

92-1301390-De facto, anteontem, o Coliseu recebeu uma multidão disposta a cantar até à exaustão os temas que fizeram de "Palavras ao Vento" [dos Resistência] o mais recente duplo disco de platina da música portuguesa.

92-1302245-Em simultâneo com o espectáculo do grupo no Armazém 22, no Porto de Lisboa, e a entrega do disco de platina pelas vendas de "Palavras ao vento" -- mais de 80 mil exemplares no prazo de um ano.

92-1403534-(...) "We Can't Dance", o décimo sétimo editado pelo grupo [Genesis] e o seu primeiro disco de platina em Portugal.

92-1450010-Tem-se verificado a comercialização de fonogramas, cujas capas pela sua apresentação gráfica induzem à confundibilidade dos nomes de autores, artistas, intérpretes e executantes originais, provocando enganos no consumidor.

Público, 1992

93-335659-O prémio máximo, isto é, o disco de platina correspondente a vendas superiores a 40 mil exemplares, foi no passado conferido a mais artistas estrangeiros do que a portugueses, sendo vencedores máximos Bryan Adams, com "Waking Up the Neighbours" (cinco vezes o disco de platina), e os Queen, com "Greatest Hits II" (quatro vezes o disco de platina). O máximo que os portugueses conseguiram foi tripla platina, conquistada por "Palavras ao Vento" dos Resistência, logo seguida da dupla platina dos GNR com "In Vivo".

93-214193-Venderam-se pouco mais de 47 mil singles em 1992, o que há dez anos atrás seria um número modesto para um 45 rotações dos Táxi, por exemplo.

93-167795-Como é bem sabido, até a uma dada altura, eram os singles que faziam vender os álbuns, não só pela sua maior maleabilidade em termos de consumo, como pela questão do tempo de antena radiofónica -- que era e ainda continua a ser dado preferencialemente (sobretudo em AM) às canções.

93-167795-Ora se os singles praticamente deixaram de existir (tornado-se um objecto mais ou menos obsoleto para a indústria instituída) ou se simplesmente os álbuns deixaram de ter canções propícias para edição neste formato, torna-se mais difícil a rádio focalizar-se sobre uma nova edição, acabando por serem os artistas mal divulgados.

93-188007-O dado que falta, que sabemos mas não entra nas contas da IFPI, é que muitas das cassetes vendidas em Portugal são mini ou baratas e são elas que, de facto, estão a substituir os singles

93-198665-Os discos de vinil continuam a descer -- menos 433, 39 por cento nos álbuns e menos 33,54 nos singles -- e também nas cassetes (menos 8,97 por cento).

93-749070-O ano em que um grupo português, os Resistência, com o seu álbum de estreia "Palavras ao Vento", assomou ao top dos cem discos mais vendidos na Europa. Em que surgiram a concorrer para os primeiros postos do top português uma série de discos nacionais que ultrapassaram decididamente o plano da produção caseira.

A companhia vencedora em 1992 foi a EMI-VC, com 23,49 por cento, e aí a tendência é mais evidente, uma vez que esta editora foi responsável por quase metade das vendas do ano passado do total de música portuguesa.

Só a Polygram teve um bom ano ditado pelas estrelas internacionais, sendo a segunda no ranking das editoras, com 23,48 por cento, mas com não mais de 18 por cento de quota no reportório português.

93-917979-Registou-se um crescimento na facturação, mas o número de fonogramas vendidos entre nós em 1992 indica que a crise internacional do mercado da música não vai poupar Portugal.

Público, 1993

5 comentários:

Anónimo disse...

BPT, any idea about U2's Achtung Baby on the charts? Did it make the Top 10?

bpt disse...

Achtung baby - #3 / 1991

art disse...

http://portuguesecharts.com/showitem.asp?interpret=U2&titel=Achtung+Baby+-+20th+Anniversary+Deluxe+Edition&cat=a

and #4 in 2011

Nuno disse...

Sabem a que lugar chegou o single "This Used to Be My Playground" de Madonna e a compilação "Barcelona Gold"?

adfg disse...

A compilação "Barcelona Gold" não deve ter tido sucesso quanto ao single é provável que tenha atingido o top 10 mas a partir de 1990 a tabela de singles perdeu muita da sua importância e temos pouca informação.